domingo, junho 26, 2011

Descobri


Descobri que o tempo rouba nossos sonhos
Que precisamos acreditar neles
E não deixar que os mesmos se vão
Nossa fé e amor podem realizá-los.

Descobri que precisamos crer
Para assim não deixar
Nossos sonhos serem roubados
Pelo tempo que se vai.

Vamos viver cada dia
Como se fosse o ultimo
Saborear o tempo
Deixando apenas a brisa levar nossos pensamentos
E juntar nossas emoções.


Vera Salbego

AMIZADE




Amizade não se compra
Amizade se conquista
Amizade não puxa saco.
Doa-se carinhosamente
Em virtude da pureza.

Amizade não pode ser interesseira
Não pode ser prepotente
A amizade deve ser sincera
De nada adianta tirar vantagens
De um amigo.

O ser humano que se aproveita
Do cargo
Para dar presentinhos aos amigos
Ele não esta sendo fiel
Ao amigo.
E nem a si mesmo.

VERA SALBEGO,Professora,Poetisa,Escritora.
http://verasalobego.zip.net
Escrito por vsalbego às 11h17

Biblioteca




Como são encantadas
Ás bibliotecas
Cada livro exposto nas estantes
Cada estória
Dentro deles
Fazem viajar os leitores
Em busca de novos horizontes.

Biblioteca, Mário Quintana
Hoje, colorida estás
De tuas paredes
Contrastada com o rosa do teu forro
Traz a cultura para a escola.

Em cada livro
Um sonho
Apenas, aguarda o leitor
Com suas janelas abertas
Para saciar a fome da leitura.

Livros novos te esperam
Para invadir
O mundo dos sonhos
Em busca de uma quimera.


Vera Salbego

Quero Escrever


QUERO ESCREVER

Quero escrever
Ao ser humano

Algo que o faça
Despertar
Para o mundo.
Que o faça parar
De destruir a natureza.
E tomar consciência
Que a natureza é o pulmão
Do mundo.
E de nossa existência.
E dela precisamos
Para nossa sobrevivência
Neste planeta terra.

Vamos unir nossas forças
E tentar salvar
O que resta ainda
Da nossa Floresta Amazônica
De nossa Mata Atlântica.

Vamos plantar mais árvores
E preservar a vida
Do nosso planeta.
Unindo forças no mundo todo
A Natureza será preservada
Para as novas gerações
Conhecer a beleza da Fauna e Flora
De nossa Terra.
Assim, escrevo com a consciência.
De poeta e o coração de ser humano.
Para espalhar aos quatro ventos
A sinfonia do amor a Natureza.

POESIA DE VERA SALBEGO.
DIREITOS AUTORAIS
www.recantodasletras.com.br/autores/poetisaverasalbe
http://verasalbego.zip.net/

OBRIGADA PELA VISITA.

AGRADEÇO A VISITA NO MEU BLOG.VOLTEM SEMPRE.AO COPIAR OS TEXTOS NÃO ESQUEÇAM DE COLOCAR O NOME DO AUTOR.ESSA É A LEI DOS DIREITOS AUTORAIS.